Sexta-feira, 17 de Abril de 2009
Quando Me Sinto Só

Quando me sinto só,
Como tu me deixaste,
Mais só que um vagabundo
Num banco de jardim
É quando tenho dó,
De mim e por contraste
Eu tenho ódio ao mundo
Que nos separa assim.

Quando me sinto só
Sabe-me a boca a fado
Lamento de quem chora
A sua triste mágoa
Rastejando no pó
Meu coração cansado
Lembra uma velha nora
Morrendo à sede de água.

P'ra que não façam pouco
Procuro não gritar
A quem pergunta minto
Não quero que tenham dó
Num egoísmo louco
Eu chego a desejar
Que sintas o que sinto
Quando me sinto só.

 

Composição: Artur Ribeiro / Joaquim Campos

 


tags:

publicado por ana.mafalda às 21:44
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De simpleandsincere a 17 de Abril de 2009 às 21:54
Mariza . :) Uma das poucas músicas de fado que eu realmente gosto.


De simpleandsincere a 17 de Abril de 2009 às 21:55
Mariza :) uma das únicas músicas de fado que eu realmente gosto.


De Lêda Rezende a 17 de Abril de 2009 às 23:35
ai que vontade de escutar o fado...cantadinho!a letra é tao linda!
parabéns e bjbjbjbj


De Lêda Rezende a 17 de Abril de 2009 às 23:36
ai que vontade de escutar o fado...cantadinho!a letra é tao linda!
parabéns e bjbjbjbj


De ana.mafalda a 22 de Abril de 2009 às 10:15
Muito obrigado por terem passado e comentado.

Quanto ao fadinho cantado à séria, podem vê-lo aqui:

http://www.youtube.com/watch?v=k-pVqO6g_r8

:)


Comentar post